Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Fotografia de Rua - PT

Fotografia de Rua - PT

31
Dez15

Composição em fotografia de rua


Miguel de Sousa Bento

Composição fotográfica, um tema que dá muito que falar e muitos sub-tópicos consequentemente. Composição não é (apesar do que muitos leicos pensam) apenas saber e compreender a afamada Regra dos Terços, é muito mais do que isso; apesar desta ser a mais conhecida e explorada regra, por fotógrafos do mundo fora, não só por ser simples e de fácil execução mas porque também proporciona uma agradável imagem com o enquadramento certinho, existem outras que igualmente resultam numa boa composição. Mas nem todos os leitores sabem exactamente do que estou a falar portanto vou expor sob vários tópicos as principais ideias de como compor uma imagem e no final, de como compor uma imagem em "modo" street photographer. O que agrada a um individuo numa fotografia nunca será o que irá agradar ao seu semelhante pois, todos temos gostos diferentes o que nos faz ter pontos de vista diferentes por consequência. Uma forma de universalizar uma imagem (falando em agradar ao observador) é compor tecnicamente e não só uma imagem com todos os factores propícios a isto. E são esses factores: a luz, o motivo, a mensagem, a técnica fotográfica, os elementos de apoio e a reacção emocional (de preferência duradoura). Uma imagem em que todos estes elementos estejam no ponto, irá de certo agradar a gregos e a troianos (à partida). Quando se fala em composição propriamente dita, as regras mais conhecidas e utilizadas são portanto a Regra dos Terços, que consiste na divisão da imagem em 9 partes iguais, ou seja, desenhar imaginariamente duas linhas verticais e duas linhas horizontais na imagem. Os pontos de maior interesse devem então ficar no cruzamento destas linhas ou nas linhas própriamente ditas. Quanto ao horizonte, deve-se alinhar nas linhas horizontalmente e níveladamente (na linha de cima caso a intenção for prestar menos atenção ao céu cortando parte dele, ou na linha de baixo proporcionando uma maior vista sobre o céu).

Outra regra bastante conhecida e que bem dominada pode resultar em imagens espectaculares é o Racio Dourado ou Número de Ouro ou ainda Espiral Dourada, que resulta da sequência de Fibonaci. Em parte tem bastantes semelhanças com a Regra dos Terços. É uma regra profundamente usada na pintura e escultura, que também resulta na fotografia, proporcionando igualmente imagens bastante agradáveis esteticamente falando.

Quando à composição na fotografia de rua: na minha opinião não precisa de ser perfeita. Nesta área da fotografia para mim o que realmente interessa é captar o momento, claro compondo a fotografia o melhor possível. Irá existir momentos em que iremos claramente ter tempo e cuidado para compor uma fotografia melhor, e outros momentos em que apenas temos tempo de apertar o botão disparador e seja o que Deus quiser. Muitas vezes resulta numa imagem com sub-exposição ou o inverso, mas em parte isto dá um certo brilho à fotografia de rua. Observando imagens de grandes titãs da fotografia de rua, iremos constatar que algumas das ditas cujas irão estão desniveladas ou com uma má exposição, entre outros problemas técnicos que em nada importam quando a intenção é captar um momento único e possivelmente finito.

By Henri Cartier-Bresson

By Bruce Gilden

31
Dez15

O que é fotografia de rua?


Miguel de Sousa Bento

Fotografia de rua é aquela que mostra a cultura local, eventos, arquitectura e/ou retrata pessoas no seu dia-a-dia. Geralmente são imagens com um certo poder emocional que só por si contam uma história ou nos fazem sentir algo, como por exemplo: tranquilidade, raiva, pena, etc. Fotografias de rua carregam consigo um carácter temporário, ou seja, retratam uma cena passageira que muitas das vezes acontece apenas uma vez e num espaço muito curto de tempo, o que leva a que o fotógrafo tenha reacções rápidas para captar o momento. A ideia de fotografia de rua é passar ao observador a "experiência" do que seria estar ali naquele preciso momento a ver aquela mesma imagem. O conceito é bastante amplo e subjectivo e varia bastante de pessoa para pessoa (como por exemplo o pedir autorização para fotografar a um sujeito, para muitos, deixa de ser considerado fotografia de rua e passa a ser considerado então, um retrato de rua). Street Photography pode ser enquadrado também dentro da categoria de fotojornalismo, ou fotografia de documental. Apesar do nome Fotografia de Rua/ Street Photography, não implica que necessariamente a fotografia seja tirada em plena rua (street); uma fotografia tirada numa praia ou numa loja pode ser igualmente considerada fotografia de rua. Como referi anteriormente fotografia de rua é um tema/ categoria fotográfica bastante subjectiva, mas convido-o (a si leitor) a visitar trabalhos de grandes Streets Photographers que marcaram e alguns continuam a marcar, este lado fotográfico: Henri Cartier-Bresson, Alex Webb, Bruce Gilden, Mary Ellen Mark, Josef Koudelka, Vivian Maier, Sebastião Salgado, Rui Palha, Bruce Davidson, Mike Paters.

StreetPh. 1.jpg

Fotografia de Miguel de Sousa Bento.

Mais sobre mim

foto do autor

Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D